Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Trilhos Sem Fim o regresso dos repatriados cansados!

por Trilhos Sem Fim, em 26.04.15

Foi-me atribuída a tarefa de fazer a crónica da nossa manhã de BTT, o que não é difícil, pois escrever sobre ter estado com amigos e fazer o que muito gostamos, que é andar por aí a chapinhar na lama, a subir e a descer montes, é fácil! Hoje foi dia de reencontrar alguns destes amigos dos TSF’s, eu estive fora 1 mês e o Pedro Santos 3 meses, e regressámos ambos esta semana da nossa estada em terras longínquas, e, como não podia deixar de ser, no primeiro Domingo depois do regresso, e depois de já termos matado as saudades da família, segue-se o BTT. Fomos 7 à partida, mas 8 à chegada, e arrancámos do PR à hora habitual em direcção às Fontes, pedalando e conversando, havendo oportunidade para se falar das experiências de Angola e Vietname. Como é já tradição do nosso grupo, sempre que alguém regressa um pouco menos treinado, é sempre presenteado com uma volta suave, como a de hoje, que aos 11Km, já tínhamos mais de 400m de acumulado. Das Fontes subimos até à Senhora do Monte pela subida de Pedra, e pelo single track dos Costaneiras, o qual muito gostamos de descer, mas que hoje, subimos… a pedra molhada aumentou a dificuldade, mas também o gozo. Chegados à Torre reunimos com o Rui P., respeitámos a hora da banana no largo da Torre, e voltámos para trás para subir aquela parede em alcatrão, sim essa mesmo, aquela que quando a descemos nos parece impossível de subir! Mas subimo-la, afinal este era o dia de presentear os tais regressados com uma volta suave! Estava na hora de mudar o azimute, e apontar para o regresso a Leiria, de St. Catarina, onde reagrupámos, sim, porque o Ricardo andava já à nossa procura, descemos o Vale Maninho, espectáculo…, os equipamentos já mostravam termos descido o Vale Maninho, e os rostos dos 8 trilheiros espelhavam a alegria da traquinice típica dos petizes! Havia ainda um percurso a fazer que também muito satisfaz esta malta, subir da Tosel até quase à casa no alto da Curvachia, e daí descer sempre em bom ritmo até ao Vidigal, mas não sem antes tomarmos o cafezinho na esplanada da Pastelaria Beira Lago, patrocinado pelo anfitrião da terra. E se como eu referi erámos 8 à chegada, 9 passámos a ser, pois o amigo Cardinhos, não pedalando por estar lesionado, aguardava por nós para nos fazer companhia no último compromisso social desta manhã. Sempre sobre a ameaça de chuva, conseguimos chegar ao PR sem nos molharmos, no entanto o são Pedro não pode aguentar mais, e o pecado da gula, pagámo-lo com uma valente chuvada à saída do Armando.

Em resumo, chegámos cedo como previsto, pois muitos tinham compromissos para a tarde, contentes com uma excelente volta de BTT, eu, e certamente o Pedro Santos, duplamente satisfeitos pois já algum tempo não tínhamos destas manhãs, e estas manhãs de Domingo são sempre um bom começo de semana.

Até 5ªfeira.

Cláudio Costa

Clicar para ver slideshow

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:48


Sobre nós

Neste blog um grupo de amigos irão falar das suas vivências tendo como fundo uns passeios de bicicleta. À conquista da natureza, ganhando saúde.

MEO Kanal


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D


Visitantes

Site Meter

Os meus visitantes