Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




CHIQUEDA OUTRA VEZ

Há muito que não reuníamos um grupo tão grande e tão bem disposto, com uma rara excepção , talvez devido a eventual problema de azia. É a vida.

Juntaram-se a nós alguns companheiros dos Chou-bikers que puderam confirmar ao vivo e a cores que somos únicos na arte da orientação tantas foram as correcções à rota. Finalmente, o nosso inimigo fidagal dos gps rendeu-se e propôs – sabe-se lá com que desgosto – que fosse o CC a orientar os percursos.

Tivemos oportunidade de visitar uma pedreira, daquelas que esventram a natureza e a deixam agonizante para sempre apesar das bonitas e ineficazes leis que obrigam à reposição do coberto vegetal. Mas também não é só isso que não é para cumprir e bom exemplo é o das fundações que ameaçam impunemente afundar-nos ainda mais. O AF saltou para cima dum enorme bloco fendido e perfurado e explicou como funciona a extracção da pedra.

Registámos com tristeza que foi efémero o esforço do RG para produzir as braçadeiras do nosso repórter e esperto de pneus.

Não foram muitos os quilómetros mas foram muito bons e tecnicamente muito exigentes e os últimos três de single foram brutais.

Tomámos café no lugar de Cadoiço, parente  masculino da Cadoiça que é uma corruptela de cadência, segundo o AF.

Importa registar os quase 55 anos de diferença entre o nosso mais jovem recruta e o mais antigo valor humano do nosso grupo. Dois excelentes exemplos de espírito e capacidade trilheira. Falamos, é claro, do Francisco Malheiro e do Rogério Monteiro ambos bons exemplos de boa  disposição e espírito de grupo. O FM  deixou que fosse somente o pai, Hélder, a malhar e mandou também um malho para bem fazer jus ao nome de família. Tudo em modo suave, claro. Que os seguros são para ter mas não para usar.

Termino já porque para ser lido por poucos e comentado por cinco não vale a pena fazer nem mais nem melhor.

Sigam o blogue ou o face porque quarta-feira é feriado e dia de pedalar mais.

 Alípio Lopes

Clicar para ver fotos

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:54


7 comentários

Sem imagem de perfil

De Rui Gaspar a 03.10.2016 às 10:03

Foi uma manhã de BTT por terras dos monges de Cister percorrendo trilhos a velocidades que com certeza nenhum monge , mesmo que de cavalo, nunca atingiu. Um agradável convívio com os nossos companheiros Chou Bikers e uma crónica bem resumida com fotos a condizer.
Sem imagem de perfil

De DArmindo a 03.10.2016 às 17:20

Parabéns trilheiros!


Muito bom :)
Sem imagem de perfil

De José Manuel Jaleca Cardinhos a 03.10.2016 às 21:12

Um boa manhã de BTT pelos trilhos da Chiqueda, que juntou dois grupos que têm em comum a diversão e o gostar de andar de bicicleta.
O tempo ajudou, a desfrutar uma bela manhã de convívio em cima da bicicleta. 
Gostei bastante e venham mais manhãs, iguais a esta.
Uma boa semana. 


Sem imagem de perfil

De Amilcar jacinto a 03.10.2016 às 21:12

Boa companhia, bom passeio e boa cronica.
Sem imagem de perfil

De Cláudio Costa a 03.10.2016 às 23:52

Foi uma boa manhã de Domingo sim senhor. Ir à Chiqueda é sempre agradável, e com um grupo assim bem disposto melhor ainda, aliás dois grupos juntos num só. Temos de nos juntar em mais domingos!

Boa crónica Alípio, boa reportagem do Artur e boa edição do Rui.


Alípio, gostei especialmente do final da crónica, espicaça esta gente, já que eu não consigo!
Sem imagem de perfil

De Alipio a 04.10.2016 às 14:40

CC, já está! O meu comentário não conta e já temos cinco! Parece que sou bruxo... já chega. Se vierem mais serão surpresa.
Sem imagem de perfil

De Nuno Gonçalo Santos a 04.10.2016 às 20:01

Excelente manhã, e o registo fotográfico e a prosa apresentada foram o complemento ideal para reproduzir o que se passou. 4ª feira, obrigações conjugais levam-me a pedalar mas com o objetivo de angariação de pontos para a época trilheira, que promete ser longa e prazeroza. Boa semana e bom feriado para todos.

Comentar post



Sobre nós

Neste blog um grupo de amigos irão falar das suas vivências tendo como fundo uns passeios de bicicleta. À conquista da natureza, ganhando saúde.

MEO Kanal


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D


Visitantes = 160.000 +...