Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Trilhos Sem Fim pela serra até à Pia do Urso

por Trilhos Sem Fim, em 31.05.15

Já o Sol ia bem alto quando os seis trilheiros tomaram a sua decisão. Após uma breve troca de opiniões, o percurso foi decidido por unanimidade.

Saídos do parque radical e após alguns quilómetros em estrada, entramos nos trilhos já nossos conhecidos. Serpenteámos pelo velho estradão, por entre as frondosas árvores e, nisto, voltámos à estrada, junto do vetusto templo. Sempre a subir, admirámos a paisagem, contemplámos a montanha e descortinámos no horizonte a fábrica com as suas grandes chaminés, agora sem emissão gasosa. Recordámos como é boa e perigosa a descida, mas agora estávamos a subir. Onde estávamos nós?

Passámos a pedreira, agora abandonada, e já à beira dos campos agrícolas constatámos que os postes dos telefones, semanas antes vandalizados pelos ladrões de metais, já se encontravam a apontar o sol brilhante.

Sempre a subir, passámos o bosque, deixámos para trás a estrada e subimos pelo empedrado até ao nosso destino. Aí chegados, aproveitámos o calor dos raios de sol amenizado pela agradável brisa. Tínhamos chegado À Pia do Urso. Por entre um café, um doce pastel e a tradicional banana, atualizámos as noticias da semana e recordámos aqueles que, pelos mais diversos motivos, não nos conseguiram acompanhar.

Já com a conversa em dia, subimos até final do empedrado, para logo encontrar o carreirito da Pia. As bikes, saltando cada pedra, levaram-nos ao estradão.

Era ainda muito cedo, pouco passava das 10:30. Contornámos a pedreira pelo sul e pelo single track, entrámos na área antigamente explorada. Ainda tínhamos que disfrutar do vibroplaite e talvez da Curvachia. Um após outro, e soltadas ao vento algumas vetustas palavras (não é Rui G? O filme não engana.), ultrapassámos, alguns à mão, o rugoso empedrado que nos encaminhou para a entrada sul do Reguengo e permitiu o acesso direto à sua área mais nobre, o adro da velha igreja.

Tal como durante o passeio, também no texto me esqueci que isto é um grupo e que o grupo tem pessoas, com nomes. Pois, mas lá esteve o culpado habitual a recordar a definição de grupo. Tivemos um regressado, o Valter, que por distração ousou avançar em demasia, mas logo a repreensão chegou, de onde todos esperávamos que viesse.

Ainda tivemos tempo de passear pelas nascentes do rio Lis, atravessar o leito, agora seco, e saltar os dois muretes de pedra.

Já junto da capela encontrámos as camaradas de outros passeios, e o seu cachorrito. Confraternizámos!

O tempo, que sobrava a meio do passeio semanal, escasseou no fim. Depois, em pequenos grupos, e sem qualquer tipo de acidente, atingimos o parque radical. Cada um continuou o seu domingo junto das famílias mas, com a firme intenção de repetir o passeio num futuro bem próximo.

Votos de uma excelente semana.

Até domingo.

Rui Passadouro da Fonseca

Clicar para ver as fotos

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:46


8 comentários

Sem imagem de perfil

De DArmindo a 31.05.2015 às 20:45

Ah valentes!  Muito bem.


Alguém tem novidades do amigo Rogério?


Boa semana!
Imagem de perfil

De fernandocaseiro a 31.05.2015 às 21:15

vejo que se divertiram e fizeram muito bem eu ainda tenho o joelho muito dorido e o dedo ainda não dobra bem espero no domingo já estar em condições de vos acompanhar até lá uma boa semana
Sem imagem de perfil

De Artur Fernandes a 31.05.2015 às 22:20

Meia dúzia sempre é de louvar mesmo...
Diverti-mo-nos a passar nos carreiros da Pia do Urso 
E há ficou deliberado que a partir do próximo mês e uma vez por mês,melhor um domingo por mês vamos passar a fazer explorações fora do habitual ou seja vamos andar fora da vista do castelo de Leira...
Quem quiser saber mais vai ter que aparecer a pedalar...
vou só lembrar que os que por cá estiverem no domingo devem continuar a pedalar há mesma hora...
Haverá alguns que vão fazer a Costa Vicentina.


 
Sem imagem de perfil

De Rui Nogueira a 31.05.2015 às 23:56

Bom dia,


Hoje preguicei. Só me lembrei da Bicla cerca das 18h00m.


Aqui vai hiperligação para os entendidos.


http://www.superinteressante.pt/index.php?option=com_content&view=article&id=2396:trata (http://www.superinteressante.pt/index.php?option=com_content&view=article&id=2396:trata)


1 abc
Sem imagem de perfil

De Rui Gaspar a 01.06.2015 às 09:30


Mais um clássico até há Pia do Urso, mas sempre com desvios para conferir trilhos menos bttados. Companheiro RP,  de quando em vez utilizo umas expressões mais vernáculas, porque aquelas pedras são mesmo duras de galagar. Concordo com a sugestão do companheiro AF, temos que começar a fazer algumas saídas por trilhos mais afastados da Senhora do Monte e da Pia do Urso. Não vamos conseguir chegar´ás 12,30  ao PR, mas tudo se combina.
Sem imagem de perfil

De José Cardinhos a 01.06.2015 às 14:19

Foi com satisfação que voltei aos "trilhos", ainda mais satisfeito em sentir-me bem, não estou totalmente a 100%, nem sei se lá chegarei, mas foi muito bom.
Quanto à volta, excelente, bom tempo, boa companhia e sem mazelas.
Muito boa a crónica e reportagem fotográfica.
Boa semana e rápidas melhoras aos acidentados.
Sem imagem de perfil

De RuiL a 01.06.2015 às 19:34

gostei de encontrar os TSF...eeeehhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh eeehhhhhhhhhhhhhhhhhh...
em breve surpresas...
abraço e boa semana
Sem imagem de perfil

De rogerio monteiro a 02.06.2015 às 21:31

Oi pessoal, estou de volta ao vosso contacto, infelizmente não atraves dos passeios de bike, pois como podem calcular isso por enquanto não me é possivel, mas por este meio onde dentro do possivel me mantenho em contacto com a vossa actividade.
Pergunta o Armindo sobre mim, e sinto a obrigação, após tanta manifestação de amizade que recebi, de comunicar que já me encontro em casa desde quinta feira e que apesar de facturar duas costelas com perfuração dos pulmões, já me encontro com vontade de regressar ao vosso convivio.
O pior são os médicos que querem que eu pare pelo menos dois meses.São uns "CHATOS".
Acho que não vou aguentar tanto tempo.
A costa Vicentina terá que ficar para segundas núpcias, ainda por cima já tinha tudo preparado, tinha até adquirido um saco cama mais pequeno para levar só uma mochila.
Um muito obrigado a todos que me auxiliaram, me visitaram e aos que me têm mandado SMS.
Um abraço a todos e ........ até breve.

Comentar post



Sobre nós

Neste blog um grupo de amigos irão falar das suas vivências tendo como fundo uns passeios de bicicleta. À conquista da natureza, ganhando saúde.

MEO Kanal


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D


Visitantes = 160.000 + ...


Os meus visitantes