Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Trilhos Sem Fim passearam pelas Barosa a 11OUT2009

por Trilhos Sem Fim, em 11.10.09

Como planeado, neste Domingo soalheiro, decidimos passear pelas terras da Barosa. Passámos ao longo da margem esquerda do Rio Lis e dos Campos do Lis entrámos na Barosa. Já tantas vezes aí passámos e não sabemos quase nada desta povoação. Sabemos que é terra de zona verde, campos agrícolas e que os caminhos rurais têm areia em demasia.

Agora vamos ficar a saber um pouco mais.

A Barosa é uma freguesia do concelho de Leiria, com 12,55 km². No ano de 1714 foi desanexada da freguesia de S. Pedro, com uma confraria e com uma ermida a S. Matheus.

Registos paroquiais indicam que antes das invasões francesas, em Outubro de 1810, a população desta freguesia era de 545. Em 1849 a freguesia de Barosa tinha 476 habitantes, tendo vindo sempre a aumentar, gradualmente, sendo de 1 685 em 1981. Em 2001, ano dos últimos censos, contaram-se 1 846 habitantes. A Densidade populacional é de 147,1 hab/km² (2001).

No dia 2 de Outubro de 1810 deu-se na Barosa o terrível recontro entre as tropas de Massena e o exército anglo-luso que vindo do Buçaco se dirigia a Lisboa. As forças de Massena foram derrotadas. Dessa época ficou a lenda do Tesouro da Barosa: reza a lenda que na altura das Invasões Francesas teria sido escondido um valiosíssimo tesouro na Quinta do Capitão Artur Lobo de Campos. Muitos anos mais tarde, um criado da confiança da família Lobo, mudaria o cofre que guardava o tesouro para outro local que não chegaria a revelar, pois terá morrido antes de o poder fazer. Na década de 70, do séc. XX, fizeram-se obras de restauro na propriedade e habitação que se supõe ter sido do caseiro, aparecendo diversas lajes levantadas. Debaixo de uma estava um buraco vazio, onde deveria ter estado uma caixa metálica de onde se presume ter sido levantado o referido tesouro por desconhecidos.

Quem terá ficado rico?

Ficamos nós cada vez que pedalamos pela Barosa.

Até domingo.

Rui

Tags:

publicado às 16:47

Avalanche na Lousã a 4OUT2009

por Trilhos Sem Fim, em 11.10.09

Olá amigos.
Desta vez não vou poder acompanhar-vos.
Ainda estou na "ressaca da Avalanche Licor Beirão 2009 - Lousã"...
Foi um fim-de-semana muito divertido mas também muito atribulado. O PAX que o diga, pois teve de me ajudar várias vezes...
No sábado, na 2ª descida de "reconhecimento" parece que exagerei um pouco e paguei a factura em quedas!
Ainda tenho o peito dorido, isto apesar de ter descido devidamente protegido com um fato de robo-cop ", caneleiras e joelheiras "à séria", capacete integral (que também ficou amassado), e respectivos googles ...
O pior foi a bike ... empenei de tal modo a roda de trás, que esta pura e simplesmente não rodava sem bater no quadro... isto para além de ter danificado a manete do travão...
Valeu-me um amigo (obrigado Francisco) que é da zona da Lousã e que me emprestou uma roda para poder fazer a prova no Domingo...
Quanto à prova propriamente dita, foi bestial.
Depois da queda de sábado e das reparações efectuadas nessa noite (troca de roda, de disco, de cassete, etc.) lembrei-me que se partisse da posição a que tinha direito (92º) seria partir da segunda linha, com alguns 400 rider's "atrás de mim a pedalar "à ganância" e preparadinhos para me atropelarem logo na primeira queda...
Assim, juntamente com outros 3 amigos, decidi partir cá para trás e seguir o velho lema dos Trilhos Sem Fim, que não competem. PARTICIPAM.
Acreditem que me diverti bastante, tendo chegado numa honrosa posição (308º).
Agora estou a comprar uma rodas novas que pretendo ter montadas, bem como os travões, até ao final da próxima semana, para poder voltar à V/ companhia.
Vou enviar algumas fotos para o Rui que agradeço coloque no blog para que os Trilhos se possam rir um bocadinho!
Bem hajam e boa volta
!

Helder

publicado às 03:51

É no dia 1 de Novembro. Vamos lá!

por Trilhos Sem Fim, em 05.10.09

Dia 1/11/2009, é aquele dia perfeito, feito à medida, para uns passeios pelo campo.

Saída às 9H00M do Parque Radical de São Romão, junto ao IMTT.

Não se esqueçam do bolinho.

Rui

Tags:

publicado às 04:18

Trilhos Sem Fim na Rota dos Odores a 4/10/2009

por Trilhos Sem Fim, em 04.10.09

Pouco passava das 9 horas já o grupo, avançava em direcção aos Marinheiros. Entrámos no pinhal e dirigimo-nos ao single track que passa perto da Portucel. Um trilho curto, mas divertido que nos leva em direcção aos Pinheiros.  

Nos Pinheiros, já em plena Rota dos Odores, serpenteámos pelas curvas das Chãs. O cheiro desagradável, característico da zona, hoje era intenso.
Subimos para os Milagres até ao Kartódromo,  e dirigimo-nos para a Mata de Milagres. Passámos junto ao parque de Merendas.
Chegados ao Casal da Quinta, após o reforço alimentar, foi descer vertiginosamente até Agodim.
A ponte da Madalena, com os seus 7 Arcos está agora de rosto lavado.
Depois de atravessar a ribeira de Agodim, subimos até aos Machados.  Depois descemos por aquele pequeno carreiro até ao parque de merenda dos Machados, onde se preparava uma festa de angariação de fundos.
Pelo caminho que acompanha a A1 chegámos a Santa Eufémia.
Com a cidade do Lis ao fundo, já com 40 km percorridos e com o pensamento num almoço reconfortante, cada um procurou o seu percurso.
Gostei da companhia e desta nova versão da Rota do Odores, com o upgrade de Machados.
Rui

publicado às 23:00

Pág. 2/2



Sobre nós

Neste blog um grupo de amigos irão falar das suas vivências tendo como fundo uns passeios de bicicleta. À conquista da natureza, ganhando saúde.

MEO Kanal


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D


Visitantes = 160.000 +...