Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Barosa e Amor com uma paragem nas Chãs!

por Trilhos Sem Fim, em 12.09.10

A vida, por vezes, não é fácil de viver, sobretudo quando se têm ligações a um grupo de desportistas exigentes. A readaptação ao trabalho após umas merecidas férias, nem sempre é fácil. O stress pós-férias, de que tenho receio de padecer, apresenta um bouquet de sintomas bem florido: cansaço, problemas de concentração e irritabilidade.

A minha situação patológica deu mais para a irritabilidade quando verifiquei que os companheiros passaram a manhã de Domingo na boa vida e na copofonia, enquanto a minha pessoa teve que se esforçar, e muito, para os encontrar lá para os lados de amor.

Fiquem sabendo que este meu problema é duplamente grave! Por um lado o síndrome pós-férias, por outro o síndrome do pós fim-de-semana, aquela sensação que as pessoas sentem Domingo à noite, de ter que voltar ao trabalho, que nos deixa a todos um pouco em baixo.

Voltar à rotina depois do descanso exige do nosso organismo a readaptação a novas rotinas. Esta situação parece-me difícil. Agora que estou a reflectir no assunto para escrever esta meia dúzia de palavras, nem sei como me vou adaptar.

Com uma síndrome pós-férias e outro pós fim-de-semana como querem vocês que eu escreva?

Apesar de tudo o passeio foi óptimo, como sempre! Boa conversa, boa companhia e para terminar uma deliciosa bebida. Isso nota-se no filme.

Tenham paciência! Domingo haverá mais, mas no Freixial.

Boa semana!

Rui

publicado às 15:45


15 comentários

Sem imagem de perfil

De luis a 12.09.2010 às 21:55

Isto está bonito, tá..tá
então isto agora é todos os fins de semana ginja
vão pedalar ou boer....

Comentar post



Sobre nós

Neste blog um grupo de amigos irão falar das suas vivências tendo como fundo uns passeios de bicicleta. À conquista da natureza, ganhando saúde.


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Visitantes =



Últimas voltas

Activities for Trilhos Sem Fim (Cláudio)

arquivo TSF no komoot


Coleção de Single Tracks que adoramos fazer


Países Ciclados

Create your own visited countries map or check out the JavaScript Charts.


Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2013
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2012
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2011
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2010
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2009
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2008
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D