Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Foi com expectativas elevadas que esperámos pelo 3º Passeio das Fontes. A aldeia das Fontes é o nosso local predilecto para fazer o desporto de que mais gostamos, o BTT. Conhecemos cada vereda, cada estradão, cada carreirito, como a palma das mãos. Esperávamos estar enganados e conhecer algo de novo.

Os "atletas" foram chegando aos grupos junto à pequena ponte. Trocavam-se cumprimentos com os amigos de outros encontros, o tempo passava e o grupo ficou composto.  A envolvência é extraordinária. O rio de um lado, a ponte, a pequena capela ao fundo e lá bem no alto, a envolver-nos, a imponente Serra da Senhora do Monte.

Pouco passava das 9 horas quando partimos do largo da capela em direcção ao Pé da Serra. Os primeiros quilómetros foram desagradáveis. O estradão não era suficientemente largo para comportar as cerca de 3 centenas de participantes fazendo com que tivéssemos que caminhar num local onde tanto gostamos de andar de bicicleta.

 

Do Pé da Serra descemos por estrada até às Fontes. À medida que os participantes se foram espalhando no percurso a confusão ia diminuindo, tornando-se mais agradável.

Conhecíamos grande parte do percurso que fizemos, mas ficamos altamente satisfeitos com as surpresas que nos esperavam. Destaco o carreiro que nos levou até ao local do reforço. Serpenteou encosta acima, entre os arbustos, para terminar num corredor ladeado por pedra aí colocados, como que a saudar os participantes. Gostei.

A descida da Senhora do Monte para o Pé da Serra é brutal. Já a conhecia mas na versão a subir... à mão. A descida é fantástica, técnica mas acessível à esmagadora maioria. Vou lá voltar.

O cheiro agradável das flores foi uma constante em todo os percurso. Por vezes dou por mim a pensar como serão incompletos, diria mesmo infelizes, aqueles que não têm a oportunidade de percorrer estes sítios recônditos mas belos.

Destaco ainda outro carreiro a Sul das Fontes que nos levou por entre os vinhedos e pelos quintais até à pior subida de todo o trajecto, onde muito poucos conseguiram subir, em cima da bike.

Apesar de já conhecer admirei o acesso à nascente do Lis. Um trilho a descer, com curvas apertadas e descidas perigosas, óptimas para testar a capacidade técnica ou levar a bike à mão.

Uma manhã bem passada, com muitos trilhos novos e de boa qualidade. Não fosse a confusão inicial e diria que tinha sido perfeito.

Louvo a organização e reconheço o muito empenho que tiveram para conseguir ter tantos trilhos novos. Bem hajam.

Até Domingo!

Rui

Track GPS: Helder M

Fotos: Artur Fernandes

Tags:

publicado às 21:13


13 comentários

Sem imagem de perfil

De Helder Malheiro a 17.05.2011 às 22:56

Eu cá até gostei, embora prefira - de longe - os passeios "à Trilhos".
A partida foi um erro e as subidas eram poucas e fraquinhas... pois afinal até se faziam sem equipamento de escalada...

Comentar post



Sobre nós

Neste blog um grupo de amigos irão falar das suas vivências tendo como fundo uns passeios de bicicleta. À conquista da natureza, ganhando saúde.

MEO Kanal


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D


Visitantes = 160.000 +...