Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A Alvorada estava dada por um Trilheiro ausente em recuperação cirúrgica. Os olhares viravam-se para as janelas, onde se observava alguma chuva. Pairava a indecisão! Contudo, foi partilhada a previsão metereológica de uma manhã em que a chuva deixaria de cair às 8h00, o que serviu de dínamo para 9 Trilheiros dizerem SIM e estarem presentes no PR, embora à cautela, munidos de impermeáveis.

Hoje o Cartógrafo seria o Tyre Expert, que havia indicado a visita à Pia do Urso como destino. Seguindo o habitual caminho até à Amoreira, começámos a observar a quantidade de poças que a chuva da madrugada havia deixado, contudo hoje não se verificou a presença de nenhum Salta Pocinhas, pelo que pudemos estar descansados relativamente a este fator de relevo.

Na zona da Torre tivemos o pequeno percalço do dia, em que uma falha de comunicação/entendimento fez com que o repórter fosse para um carreiro e os trilheiros para outro. Situação resolvida, grupo unido e regresso ao objetivo!

O propósito da escolha do traçado seria evitar troços com lama... e com poças, contudo dada a ausência dos Salta Pocinhas, pudemos abandonar a segunda premissa... E se passámos por muitas... e boas... mas ninguém lhes saltava. Ninguém, até o nosso caçula o ter feito, contudo levou uma reprimenda ao bom estilo transmontano, o que o levou a abandonar a ideia de ser o terceiro Salta Pocinhas... Mas há potencial! 

Regressados do repasto, cordialmente oferecido pelo RG, comemorando a sua confirmação como SEXagenário Maior (65 anos) e com a companhia de mais 2 Chou Bikers, que se juntaram a nós na Pia do Urso, e numa altura em que o piso já se encontrava mais seco, resolvemos arriscar em fazer um traçado mais divertido e com alguma pedra. Boa ideia! Estava seguríssimo!

Numa manhã excelente para usufruir da bicicleta, cumprimos 47km e quase chegámos aos 4 dígitos no acumulado positivo, fizemos alguns carreiros que nem sempre são a nossa escolha habitual mas que se revelaram bastante divertidos.

À CA apenas compareceram o Repórter e o Relator. Não pode ser! Temos que preservar as nossas relações de parceria.

Nuno Gonçalo Santos

Pia do Urso... Tantas poças e nada! By Trilhos Sem Fim

publicado às 20:19


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Helder Malheiro a 06.10.2020 às 16:34

Ó meus amigos, isso de desperdiçar potencial faz-me mal ao coração!
No próximo Domingo conto fazer juz ao papel de salta-pocinhas, e motivaro o nosso Caçula a fazer o mesmo, aprimorando técnicas de "banhar trilheiros".
Eu com poças tão grandes à frente e sem bike, roí-me de inveja! 

Comentar post



Sobre nós

Neste blog um grupo de amigos irão falar das suas vivências tendo como fundo uns passeios de bicicleta. À conquista da natureza, ganhando saúde.


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D


Visitantes = 160.000 +...



Últimas voltas

Activities for Trilhos Sem Fim (Cláudio)

Países Ciclados

Create your own visited countries map or check out the JavaScript Charts.