Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Café na Pia do Urso By Trilhos Sem Fim

por Trilhos Sem Fim, em 12.09.21

Depois de uma semana com algumas ameaças de chuva, fomos hoje presenteados com um bela manhã para a prática do que mais gostamos de fazer aos domingos de manhã, BTT. Fomos 11 trilheiros que pouco depois das 8h30 arrancámos do PR com o objectivo de ir até à Pia do Urso. Uns que já têm vindo e já nem se lembram das férias, outros, como eu, ainda em modo pré-época, que agora já nem pré-época há, é logo tudo atrás do Cardinhos até aos 1000mD+, e vamos todos que parece que vamos a fugir de alguém, ou que vamos atrás do Leitão! :) Já nem se consegue fazer o aquecimento devagarinho... :)

Depois de passarmos pelas Fontes e já calcorreando caminhos de pedras, na subida que nos leva àquela descida que tanto gostamos de descer, mas que hoje verificámos que afinal também dá para subir! A corrente da bicicleta do Nuno não aguentou tanta pujança e partiu-se. Uns minutos e algum engenho e a coisa resolveu-se, prosseguimos o nosso destino, com uma breve paragem numa vinha, apenas para averiguar o estado da mesma, e pelo aspecto estavam boas ;). Uns quilómetros mais à frente, eis senão quando, ainda muito antes da Pia, quase comprávamos um Molotof que se atravessou no nosso caminho, a avaliar pelo aspecto seria delicioso, não fizemos negócio, mas ficámos a saber qual é a casa da pasteleira.

Já na Pia, deixámos a nossa marca, com um autocolante dos TSF numa das janelas, mas logo ali foi feita uma mini-assembleia e decidiu-se mandar produzir autocolantes maiores, adequados a colar em cafés e demais locais que estejam mesmo a pedir um belo autocolante dos TSF’s.


O regresso foi feito já com muita vontade de pedalar, ou então era sede! O ritmo foi alto e o Cardinhos encaminhou-nos por umas belas descidas.


No Armando, que hoje estava “cheio” de BTTistas, a família TSF aumentou, pois ainda confraternizamos com alguns companheiros TSF’s que mesmo não tendo hoje pedalado connosco ali nos aguardavam no local habitual. Nada como ter bons hábitos e costumes, a chamada cultura de grupo 😊
Divirtam-se e até 5ªfeira.

Cláudio Costa

Café na Pia do Urso By Trilhos Sem Fim

publicado às 16:32

Dia especial até à Pia By Trilhos Sem Fim

por Trilhos Sem Fim, em 18.07.21

Neste domingo 18 de julho, à hora habitual, o grupo foi-se reunindo na copa do grande pinheiro manso que ladeia o parque de diversões de São Romão. Hoje eram cerca de duas dezenas de trilheiros, m número superior ao que tem sido habitual nestes últimos tempos, fazendo crer que algo pudesse acontecer e necessitasse de ser recordados por muitos.

Após alguns minutos de conversa iniciámos a marcha, já o sol ia alto, apesar de envergonhado atrás das nuvens densas, proporcionando uma manhã fresca de verão, propícia ao btt.

Chegados ao lugar de Fontes, optámos pela margem esquerda do rio Lis onde captámos as belas imagens das águas aprisionadas na pequena represa, que cria um magnifico espelho de água límpida. Um breve lamento já que ao chegar à foz, na praia da Vieira, a cor é mais escura.

Contornámos a serra e logo atingimos o cume da Barrozinha. No interior da mata, o nosso primeiro encontro com dois trilheiros, há alguns meses ausentes do grupo, mas que mantêm o espírito TSF e envergam as melhores vestes para a prática de BTT que conheço, as dos Trilhos Sem Fim.

Subida após descida, a velha sina dos bttistas, dou por mim no carreiro do calhau solto e rolante que nos conduz à Pia do Urso. No topo, fui aconselhado vivamente, quase admoestado, a seguir o guia oficial, Zé Cardinhos, e o guia acessório Cláudio. Passei à porta do café onde é habitual saborear o pastel de nata e a bica da ordem e nada de parar, mas contornada a curva eis que a visão muda. Era a cúmplice do CC, que organizou tudo em segredo e que vinha festejar connosco a 5ª dezena de anos do marido e nosso grande companheiro o Cláudio Costa. Que bela vista e que rica mesa, com bolos, água, coca cola e montes de cerveja gelada. Um festim.

Tudo perfeito, mas que poderia ser melhorado, e foi, já que convidaram para participar nos festejo o grande, mas grande, TSF Sérgio Ferreira, El GPS para os amigos: o verdadeiro diamante no anel, ou cereja no topo do bolo.

Que bela manhã, cheia de boas surpresas e algumas bebidas disponíveis.

Parabéns, CC, que faças muitos com saúde!

Rui Passadouro

 

publicado às 18:23

Trilhos Sem Fim - revisita da Pia do Urso

por Trilhos Sem Fim, em 02.05.21

E finalmente a rentrée! 

A manhã ainda fria mas prometedora de Sol acolheu 11 Trilheiros devidamente vestidos. 

Embora o tempo seja de desconfinamento, a desconfiança e os cuidados ainda são muitos e as regras de distanciamento ainda estão bem presentes em todos os membros.Por vários motivos e o respeito pelo próximo, havia elementos que não se viam desde 2020.

As saudades eram muitas e o otimismo de que iria ser uma excelente manhã reinava.Destino definido: Pia do Urso. O melhor local para retomar a atividade em conjunto!Seguimos então em direção às Fontes, subindo até à Senhora do Monte, palmilhando daqui até às antenas, por um trilho que outrora foi espetacular mas que porventura terá sido a última oportunidade de o fazer antes da sua pavimentação em tout venant.

Já lá no alto fizemos uma pequena paragem técnica para ingestão de um "lava-correntes" que o AJ havia trazido e que ordeira e seguramente degustamos.Seguimos até à Pia do Urso, onde agora há menu ciclista (Café + Pastel de Nata) por 1,50€. Uma excelente ideia porque facilita os pagamentos e os trocos, evitando confusões e simplificando o processo. Situação que mesmo assim não sensibilizou alguns membros do grupo, que optaram por adulterar o conteúdo do menu, aproveitando para repor os eletrólitos já consumidos.

Refeitos e já com uma dose interessante de Vitamina D (a esplanada estava fantástica) começámos a traçar o que seriam os trilhos que nos fariam regressar prazerosamente a Leiria.

Assim, depois de deixar o CC em casa, acedemos a alguma insistência do HM e fomos descer o Galinheiro, onde pudemos observar a qualidade do dropper do RP que já vem com o sonoro "destrava" que pelos vistos é comum nesta peça.

Depois de mais alguns trilhos na Curvachia e depois de termos ajudado um E-Betetista a desencravar a corrente, rumámos até ao Casal dos Matos para aferir o estado de conservação do Trilho do Rogério.

Foi uma manhã muito agradável, recheada de bons trilhos e a camaradagem e amizade habitual.

Por fim, deixar um beijinho a todas as mães, principalmente às nossas, porque se não fossem elas não andávamos cá para pedalar ao Domingo.


Nuno Gonçalo Santos

publicado às 22:21

Pia do Urso e mais além By Trilhos Sem Fim

por Trilhos Sem Fim, em 13.12.20

Reza a tradição, que no seio deste grupo de amigos, ao domingo de manhã pedala-se e ao fim do dia, ou vá lá, no dia seguinte, seja publicada uma crónica e a reportagem multimédia, não só para deleite de todos os participantes, mas também para memória futura neste blog. Mas não há regra sem excepção, e esta semana, mesmo sendo já 5ªfeira, depois da nocturna, só agora este escrivão teve um tempinho para descrever a nossa bela manhã de domingo. Serviu também para verificar que afinal a crónica faz falta e a malta gosta, pois fartaram-se de reclamar, e por isso merece ser escrita, até porque não é todos os dias que temos oportunidade de sair com a bicicleta e acabar a navegar. Que o diga o Emanuel, que hoje atravessou o seu primeiro ribeiro, foi bem mais que um baptismo, porque foi banho de corpo todo, e incauto enquanto tomava o seu banho, perdeu o seu barco na corrente do rio seco, que hoje de seco não tinha nada!

Foi dia de baptismo também para a nova bike do Paulo, trazido para o grupo pelo Rogério e pela sua bike, estreou neste domingo a sua bela montada, e todos constatamos que trata bem o dono, pois nunca o mandou ao chão. Já o dono, via-se que rejubilava de alegria por não ter caído em nenhum dos vários single tracks com bastante pedra molhada, e escorregadia, que este grupo de trilheiros sem grande bom senso, escolhem para estes dias molhados, e para praxar os ainda menos treinados. Mas se assim não fosse não seria tão divertido nem tão revigorante.

Foi dia de revisitar a Pia do Urso, onde bebemos o cafezinho e o habitual pastel de nada. Que me lembre, não choveu, ninguém caiu, apesar das muitas oportunidades que houve para isso, os trilhos estavam como eu costumo dizer, muito “desafiantes”, lama houve em abundância, assim como boa disposição. Terminámos religiosamente no local habitual e foi assim nos preparámos para mais um inicio de uma semana de trabalho, com energias retemperadas e stress aliviado. Uma vantagem de escrever a crónica tarde, é que podemos opinar sobre o vídeo, e está excelente, no naufrágio até tem o apito do titanic 😊

Divirtam-se e o domingo está quase aí…

Cláudio Costa

 

Pia do Urso e mais além By Trilhos Sem Fim

publicado às 20:20

Revisitar a Pia do Urso By Trilhos Sem Fim

por Trilhos Sem Fim, em 20.09.20

 

 

Revisitar a Pia do Urso By  Trilhos Sem Fim

 

publicado às 18:38


Sobre nós

Neste blog um grupo de amigos irão falar das suas vivências tendo como fundo uns passeios de bicicleta. À conquista da natureza, ganhando saúde.


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D


Visitantes = 160.000 +...



Últimas voltas

Activities for Trilhos Sem Fim (Cláudio)

Países Ciclados

Create your own visited countries map or check out the JavaScript Charts.